Pros Carcaça

Os Valanga

Compositor: Efelipe / Everson / Jansen / Lelek / Nathan / Ramon

Essa vai pra galera da academia ai o
Pros olho gordo pros gordinho fofinho
Que malha braço o dia inteiro e a barriga inchada
Seus barriga d?água
Essa também vai pros vermes de trinta e quatro de
braço
Que toma bomba o dia inteiro
E só cresce cabelo e unha HAHA

O que Deus não da à farmácia vende c os caras não
ensina a vacina e nos a gente aprende
Vai ser nu supino reto e no declinado que
Eu vo fazer meu peito estica fica chapado
Supino reto 55 cada lado respiro fundo os cara fica
abismado
E na pirâmide da definição que eu vo vira um deus
grego o rei da perfeição

Malhando trapézio minha cara tá vermelha remada alta
pegandu na orelha
Tomei água pro descanso olhei pro peito tá pulando
mais não vo para
Hoje tem festa a fantasia vamos desenrola pula pro
tríceps fazer trinca
130 de toraquis 45 de braço camiseta elástico quem
sabe algum dia num apareço no
Fantástico.

As vagaba fala mal fala que tô estranho que tô grande
de mais exagerado nu tamanho mais quando chego sem
camisa para fica olhando eu colo com a elite n te do
moral você nem mi conheci ainda fala mal não pode da
moral corpo escultural barriga estilo tanque instinto
animal chego chamando a atenção os carcaça na ilusão
inveja intriga da oposição ha. a inveja e foda quero
vê fala na cara o que eles mais querem e pega minha
namorada

Refrão
O que deus não da à farmácia vende se os caras não
encina a vacina e nois a gente aprende

Vagabunda critica fala que eu só broxa mais quando
chega meu pau tá duro igual uma rocha as cachorra que
queima mais quando eu levo pra minha cama elas pedem
pra para
Não tem tempo ruim n tem tempo feio eu meto na frente
atrás e no peito
Se eu rasgo a camisa as gatas ficam na tara quer
rebola que cavalga que tapa na cara
Quando as gatas mi vêem eu só o assunto da roda por
ser forte trincado e bom de foda


Cordão de prata braço de fora peguei Camila, Suzana
chora segunda a patrícia terça a Gabriela quarta a
Letícia quinta a Rafaela sexta Viviane sábado a
Lohaine e no domingo eu vo escolhe talvez eu pego a
Dany
Segunda a segunda e tempo de malha os moleque chapa a
ADE pro braço necrosar
Ade necroza mais uns mulek aceita porque não tem
dinheiro pra compra uma receita
tô mandando meu recado pros olho gordo que fala mal dos
bombados


Refrão
O que deus não da à farmácia vende se os caras não
encina a vacina e nois a gente aprende

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital